Post escrito desconectado ontem:

Mais um dia de limpeza. A limpeza física que fiz no outro dia ficou só no 90%. Porém hoje é dia de limpeza virtual.
Organizar velhas lembranças e deixar em algum lugar que não venham perturbar.
Guardar o passado, viver o presente e ansiar pelo futuro.
Porque é mais fácil se apegar do que se desapegar?

Ontem e hoje assisti dois filmes em casa que não tinha visto ainda: 300 e OldBoy.

Hoje almocei na casa de minha tia e revi meus primos que últimamente não tenho visto muito.

Uma longa jornada me espera, se é que me deixarão faze-la.

Será um tempo de abandono, distancia, peregrinação. Repensar a vida. Acho que tenho feito isso até muito últimamente. Vivia demais o presente e deixava que a ausência do meu passado causasse mal ao meu futuro. Devemos organizar nossas idéias. Não deixar nada pendente. Não deixa para amanhã o que se pode resolver hoje. Sábia frase. Não guarde rancor.

Cada dia que passa me conheço mais. Será que algum dia me conhecerei totalmente? Pouco provável.
Hoje me analisando parece que encontro mais coisas ruins do que boas. Preciso de ajuda para encontrar minhas qualidades positivas.
Cresci sendo o "bom garoto". Tentando fazer o melhor pelos outros. Tentando parecer ser um "bom garoto". Acontece que sou apenas humano e como todo o resto da humanidade também sou pecador. Tenho meu Yin e Yang. Quem sou eu? Uma ótima pessoa para quem não me conhece muito (e o mesmo pode ser dito da maioria das pessoas que conhece), porém não queira morar comigo. Poucos além de minha família carregaram este fardo. Meu pai ainda carrega. Será que um dia serei menos egoista? Será que realmente o que eu digo, o que digo que sou e acredito é realmente verdade para mim? Só sei reclamar para com meu pai. :( Será que fui assim com todos? Se pedir perdão ou desculpas bastasse para curar as feridas que causei.

Nesta última vez que fui a Passo Fundo foi muito bom, pois soube que já não haviam magoas numa pessoa que machuquei muito. E que ela ainda estimava muito de mim. É muito bom ser perdoado.

Egoista, reclamão, insensível. Este sou eu. E eu não gosto deste meu "eu".

Referências: Yin/Yang